Depois de Lucía

Em seu segundo longa-metragem, o mexicano Michel Franco mostra a importância da comunicação com a família e as consequências de sofrer em silêncio

Image

Após a morte de Lucía em um acidente de carro, o viúvo Roberto e sua filha, Alejandra, mudam-se do interior para recomeçar a vida na gigante Cidade do México. Na nova cidade, com todas as mudanças que vêm sofrendo, Roberto consegue um novo trabalho e Alejandra vai se adaptando ao novo colégio.       Mas, depois do vazamento de um vídeo íntimo de Alejandra, ela passa a ser constantemente atormentada e humilhada por seus novos colegas de classe.

O filme é rodado, em sua maior parte, de um modo muito despretensioso, com tomadas de câmera simples e paradas, aliadas à falta de trilha sonora. O silêncio dos personagens é inquietante o bastante; Roberto (Hérnan Mendoza), o pai, é reservado e não muito expansivo, que é claramente consequência do luto que ele carrega. Alejandra, interpretada minuciosamente bem por Tessa Ia, também é calada e cautelosa. Um dos focos principais do filme é, inclusive, o isolamento e a incapacidade de Alejandra se manifestar sobre os abusos físicos e emocionais que sofre. Além de lidar com o próprio luto, Alejandra também se dedica a ajudar o pai, auxiliando-o com as tarefas do restaurante e o fazendo companhia.

Image 

A forma como Franco retratou o bullying nesse filme e o abuso dos estudantes com Alejandra são muito impessoais e objetivos: sem moralismo ou busca de causas e soluções. O diretor tão apenas faz com o espectador se coloque no lugar da protagonista. Algumas das situações relatadas são extremas e difíceis de digerir, mas totalmente necessárias para que, ao se deparar com tamanha crueldade, possa-se absorver a história de uma forma clara e objetiva.

Depois de Lucía é um daqueles filmes que, definitivamente, crescem em você. Pode não parecer no começo, com o ritmo de filme imposto por Franco, mas, com o desenvolvimento da trama e conforme a tensão aumenta, não é difícil sentir-se dentro dele, sofrendo junto com Alejandra.

O filme faturou o prêmio máximo da mostra Um Certo Olhar, do Festival de Cannes de 2012, e uma menção honrosa na sessão Horizontes Latinos, no Festival de San Sebastián (Espanha), além de destacar o jovem diretor Michel Franco.

Para assistir ao trailer do filme, clique aqui.

Nota: 4/5

Advertisements

One thought on “Depois de Lucía

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s